quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Conta de água em Pernambuco vai aumentar 6,72% em agosto


A população pernambucana deverá ficar atenta, a partir de agosto, à conta de água e esgoto. Isso porque o processo de revisão tarifária da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) terá um reajuste de 6,72% sobre as tarifas dos serviços de abastecimento de água e de coleta e tratamento de esgotos sanitários, prestados pela Companhia. O valor definido pela Agência Reguladora de Pernambuco (Arpe) foi confirmado à reportagem da Folha de Pernambuco pelo diretor de regulação da Arpe, Frederico Maranhão.

Esse percentual representará um acréscimo de R$ 2,77 na tarifa residencial. Para esses clientes, que apresentam um consumo mensal de até 10 mil litros de água (10m3), a tarifa passará de R$ 41,30 para R$ 44,08. Já para os consumidores de baixa renda, que pagam a tarifa social, o aumento significará R$ 0,59 a mais nas contas, com a fatura passando de R$ 8,63 por mês para R$ 9,22. As tarifas comerciais e públicas, vão custar agora R$ 64,84 e R$ 62,67, respectivamente.


Antes de entrar em vigor, o valor será publicado no Diário Oficial deste sábado, e só entra em vigor a partir do dia 12 de agosto. “A resolução será publicada no Diário Oficial, e ocasiona em uma conta ajustada para o consumidor, que terá um percentual de ajustamento no valor pago”, contou Frederico Maranhão.

O diretor da Arpe destaca ainda que a Compesa só vai passar a ter um faturamento integral da revisão tarifária a partir de 12 de setembro, onde até essa data parte do faturamento será proporcional entre o novo valor da tarifa, com o valor antigo cobrado. “A tarifa de 6,72% ela só vai ter efeito pleno para a compesa em 12 de setembro, porque em 12 de agosto ela começa a faturar com a nova tarifa, ela vai colocar um dia com a tarifa nova, e 29 dias com a tarifa antiga, e assim sucessivamente com o passar dos dias. Quando chegar 30 dias depois de 12 de agosto, o faturamento será pleno com o valor ajustado”, contou o diretor.



Com o a revisão a tarifa de água e saneamento paga pelo consumidor terá um valor de 6,72% mais cara, e Frederico Maranhão aponta que esse será um ganho para ambas as partes. “Isso é um processo que precisa de equilíbrio, a empresa precisa de resultado para prestar bons serviços, ela existe para ser remunerada adequadamente e o consumidor receber um bom serviço, esse é processo de ganho a ganho”, disse o diretor da Arpe.


Ainda de acordo com Frederico, essa revisão tarifária corresponde ao ano de 2018, onde no ano passado a Arpe concedeu um reajuste de 2,78%. Desde então, o processo de revisão da tarifa não aconteceu devido a demora da Compesa no fornecimento de algumas informações por mudanças no processo de envio das mesmas. “Houve uma mudança de metodologia que teve uma certa complexidade e são levantamentos de informações, onde estão localizados, qual o índice de aproveitamento que tem, a qual subsistema está ligado, se é fornecimento ou saneamento, e para cumprir essas informações a Compesa teve um trabalho adicional. Algumas dessas informações tiveram incoerências nas informações, e este estendimento do prazo foi muito em função disso”, afirmou Maranhão. Folha PE 

"Casa de saliência" no Rio tem fila de interessados, enquanto quiosques na praia correm risco de sanções

Medidas restritivas estão destruindo a economia!

Algumas, chegam inclusive a ser um tanto “ditatoriais”.
Informações divulgadas nesta quinta-feira, 31, mostram que uma ‘certa área’ comercial não está sofrendo com as restrições.
Avenida Princesa Isabel, em Copacabana
Avenida Princesa Isabel, em Copacabana

Uma imagem registrou uma fila na madrugada de terça, por volta da 1h, que formava quase meia quadra.

O local?

Um conhecido inferninho do Sensoo Café, na Avenida Princesa Isabel, em Copacabana.

Segundo informações, o movimento foi grande até as 4h da manhã.

Enquanto isso, quiosques na praia correm risco de sanções por parte do poder público, caso coloquem até uma 'musiquinha' ambiente.

Faz sentido?

Jornal da Cidade Online 

Doria perde força e credibilidade até mesmo entre prefeitos do PSDB


Agora, mesmo prefeitos do seu próprio partido decidiram não cumprir a determinação imposta pelo governador de restringir o funcionamento do comércio durante o período de fim de ano.
Após Doria decretar ‘bandeira vermelha’ para todo o estado durante o período de festas de final de ano, permitindo o funcionamento apenas das atividades consideradas essenciais, prefeitos do interior paulista, filiados ao PSDB, decidiram não exigir o cumprimento das restrições.

Entre os colegas de partido do governador que decidiram não cumprir as determinações, estão o prefeito Alexandre Barbosa (Santos), Felipe Augusto (São Sebastião), Alberto Pereira Mourão (Praia Grande), Luiz Maurício (Peruíbe), Ademario da Silva Oliveira (Cubatão), Caio Matheus (Bertioga) e Marco Aurélio (Itanhaém).

“Discordamos da forma como foi implementada em função dessa janela do Natal e Ano Novo. [...] Nesse período, [temos] o maior fluxo de turistas tradicionalmente”, lamentou Alexandre Barbosa, prefeito de Santos pertencente ao PSDB.

Felipe Augusto, de São Sebastião, defendeu um posicionamento na mesma linha de seu colega de Santos:

“Temos uma condição diferenciada e a cidade está protegida”.

E acrescentou:

“Todas as vezes que o governo anunciou que iria mudar de fase e criar restrições aos comerciantes e empresários nós seguramos a onda”.

Tragédia: Por ciumes homem mata a facadas ex-companheira em Petrolina-PE


Mais um feminicídio foi registrado em Petrolina. Uma mulher de 28 anos foi morta a golpes de faca na noite de quarta-feira (30), na região da Ponta da Serra, zona rural de Petrolina. Segundo a Polícia Civil de Pernambuco, Nilda Pinheiro foi golpeada pelo ex-companheiro.

Valdir da Costa, de 80 anos, desferiu golpes com canivete na vítima. A polícia acredita que o crime tenha sido motivado por ciúmes. Nilda chegou a ser socorrida com vida ao Hospital Universitário de Petrolina, mas não resistiu e morreu na unidade.


A Polícia Civil prendeu Valdir em flagrante delito e também apreendeu a arma utilizada no feminicídio. Não há informações sobre velório e sepultamento da vítima. Via Blog do Marinho


Prazo para pedir saque do FGTS emergencial acaba hoje


Termina hoje (31) o prazo para o saque emergencial de até R$ 1.045 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A solicitação deve ser feita pelos trabalhadores por meio do aplicativo do FGTS.

O valor do saque considera a soma dos saldos de todas as contas ativas e inativas no FGTS. A liberação desses recursos foi uma das medidas do governo para o enfrentamento da crise gerada pela pandemia de covid-19. De acordo com a Caixa, foram disponibilizados R$ 37,8 bilhões para mais de 60 milhões de trabalhadores.


Ainda segundo o banco, cerca de R$ 7,9 bilhões do saque emergencial, creditados nas contas poupança social digital e que não foram movimentados, retornaram no dia 30 de novembro para as contas vinculadas dos trabalhadores, com correção dos valores.


O que deve ser feito

Entretanto, caso o trabalhador ainda queira ter acesso aos recursos deve fazer o pedido pelo aplicativo do FGTS até esta quinta-feira (31), para que a Caixa transfira novamente o valor para a conta digital, que pode ser movimentada pelo aplicativo Caixa Tem. O saque emergencial poderá ser utilizado em transações eletrônicas, saque em espécie ou transferência, sem custo, para outras contas.



A Caixa informa que é preciso estar com os dados cadastrais atualizados para receber o saque emergencial. Por isso, é preciso acessar o aplicativo FGTS, complementar os dados cadastrais e solicitar o saque dos valores, que serão creditados na poupança social.



As dúvidas podem ser esclarecidas pelo site e aplicativo FGTS e pela Central de Atendimento Caixa 111, opção 2. O banco alerta que não envia mensagens com solicitação de senhas, dados ou informações pessoais. A Caixa também não envia links ou pede confirmação de dispositivo ou acesso à conta por e-mail, SMS ou WhatsApp. Agência Brasil 

Homem de 38 anos é morto a tiros no bairro Henrique Leite, em Petrolina (PE)


Um homem de 38 anos de idade  foi morto a tiros na noite de quarta-feira (30),  no bairro Henrique Leite, em Petrolina (PE).  De acordo com informações apuradas pelo Blog Edenevaldo Alves, a vítima  identificada como Luiz Pereira Nogueira  chegou a ser socorrida mas morreu no hospital.


Não há informações sobre as motivações do crime e o paradeiro do suspeito.

(Colaboração: Ivo da Hora)


Prefeito de Belém S. Franc. finaliza gestão com atrasos na saude e educação


Círcula nas mídias depoimentos em vídeos de funcionários, efetivos e contratados, testemunhando o atraso de dois meses para com os quadros da saúde e educação no município de Belém do São Francisco-PE.

De acordo com os mesmos o prefeito Licínio Lustosa não cumpriu com os servidores públicos, quando, ao menos, não os receberam para o diálogo.


Com o fechamento negativo da folha no mês de dezembro - final da gestão, ficou impossível a viabilização do pagamento dos dois meses em atraso.


Atrasos em final de gestão não é uma exclusividade do prefeito Licínio, outras cidades no sertão pernambucano está com a mesma problemática de receitas para ajustar salários. 










Provedores de Juazeiro (BA) são prejudicados com cortes de cabos de internet pela Coelba


Provedores regionais de internet de Juazeiro (BA) relatam que receberam ordem da Coelba para realizar cortes de redes em alguns postes da cidade deixando clientes no prejuízo.


“Estamos sofrendo algumas mutilações, o pessoal está ficando sem internet porque estão realizando os cortes desses cabos, e a Coelba não manteve acordo de projetos de postes, pois o órgão tem a concessão dos postes e as condições dos provedores são poucas, e nem chegou uma carta avisando para que façamos esse projeto de postes, a Coelba está em recesso, não tem como entrar com um projeto para tentar sanar esse prejuízo “, disse um dos responsáveis por provedores da região.

A informação é de que vários provedores da região deverão entrar em contato com a mídia local para tentar ainda mais mostrar o caso e tentar encontrar uma solução para o problema.

“A gente sabe que precisa melhorar algumas coisas na distribuição da internet, só que a gente não foi notificado para saber como melhorar ou que estamos trabalhando de forma irregular”, complementou. Via Edenevaldo Alves 



Homicídio é resgistrado na Ponta da Serra, em Petrolina (PE)

Um feminicídio foi registrado na noite de quarta-feira (30), na região de Ponta da Serra, zona rural de Petrolina (PE). A vítima identificada apenas como Nilda Samara, 28 anos morava no Residencial Vivendas e foi atingida por golpes de faca e não resistiu aos ferimentos.


Segundo informações, o suspeito era ex-companheiro da vítima. A Polícia deve investigar o crime e o paradeiro do suspeito. Samara deixa três filhos.

(Colaboração: Ivo da Hora)

quarta-feira, 30 de dezembro de 2020